Servidores da Regulação aderem às mobilizações agendadas pelo Fonacate em defesa do serviço público

 O Sinagências  deliberou na tarde desta segunda-feira (17/01),  por maioria de seus filiados presentes, em Assembleia virtual Geral Extraordinária dos Servidores das Agências Nacionais de Regulação, conforme edital publicado anteriormente, a adesão dos servidores da Agências Reguladoras nas  mobilizações agendadas pelo Fonacate, em defesa do serviço público.

Os movimentos acontecem nesta terça-feira (18/01), na cidade de Brasília/DF, às 10h, em frente ao Banco Central do Brasil e às 14h, em frente ao Ministério da Economia.

Sem negociações há quatro anos e com desigualdades de percentuais de reajustes no passado, o Sinagências critica a  proposta de reajuste linear para todas as carreiras federais, que deixaria como consequência as carreiras das agências em desvantagem em relação às demais categorias da alta administração federal. 

Segundo levantamento elaborado a pedido da entidade, os vencimentos dos servidores destas autarquias estão defasados em 63,97% pelo IGP-M e 26,06% pelo IPCA, desde a aplicação do último reajuste, negociado pelo prazo reduzido de apenas 2 anos, enquanto a maioria das outras categorias tiveram reposição até 2019.

Esta pauta inclusive será defendida nas manifestações junto com outras carreiras típicas de estado e já foi colocada em Assembleias anteriores para outras afiliadas ao Fonacate .

Outras demandas muito importantes para os servidores da regulação e que estarão na pauta das mobilizações é a necessidade de reajuste do valor das diárias e auxílios, entre outros.


Compartilhar

About Paulo Melo

0 comentários:

Postar um comentário