W3 Sul revitalizada: mais acessibilidade e modernidade à população

Ao todo, Terracap está investindo cerca de R$ 45 milhões em melhorias na mais antiga avenida comercial de Brasília



Um shopping à céu aberto, assim a avenida W3 era conhecida pelos moradores na recém-inaugurada Brasília. A pista que corta o Plano Piloto de norte a sul reúne uma variedade de lojas, restaurantes, mercados e espaços culturais. Contudo, a maior e mais antiga rua comercial do Distrito Federal foi esquecida por muitos anos. Porém, agora, a parte sul tem ganhado uma repaginada no visual.

A reforma da W3 Sul trouxe mais vida para a avenida que estava esquecida há tempos. O local que sofreu com o desgaste do tempo recebeu melhorias na infraestrutura, dando mais comodidade para quem passa por ali. As calçadas das quadras 500, em frente ao comércio local, que antes eram cheias de buracos e pedras portuguesas soltas, receberam piso novo e com acessibilidade para o trânsito de pessoas com limitações físicas.

A iluminação da W3 Sul foi toda trocada por lâmpadas de Led, o que permite mais claridade para quem passa pela região à noite. Os becos entre os blocos comerciais também receberam melhorias, assim como a via W2 que ganhou uma melhor organização e possibilitou a carga e descarga das lojas sem parar o fluxo dos carros. As sinalizações de trânsito foram revitalizadas e os estacionamentos estão mais amplos e com acesso facilitado.

"Essa reforma foi pensada lá em 2019 com o objetivo de trazer de volta a W3 de antes. Sabemos que mudou um pouco a vocação do comércio com a presença dos shopping centers, porém há outros tipos de atividades comerciais que funcionam perfeitamente nesse espaço. Queremos trazer essa demanda e atrair novos comerciantes."

Izidio Santos Junior, presidente da Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap)

Quem mora a mais tempo no Distrito Federal, guarda com carinho as lembranças de um local bem movimentado. Carlos Nobel de Araújo, 53 anos, cresceu vendo o ir e vir de pessoas na W3 Sul. O pai era proprietário de uma banca que vendia livros antigos na quadra 512. "Vinha (para banca) junto com meu pai, lembro que aqui (W3) parecia um formigueiro, cheio de gente", relembra o comerciante, que herdou o negócio da família.

O lojista Carlos Nobel aprovou as melhorias feitas na W3 Sul

Para Carlos, a reforma da avenida foi muito positiva. "Ficou até melhor do que eu esperava. Hoje em dia, é possível para um cadeirante passar por aqui tranquilamente. Facilitou o acesso das pessoas, e para mim também foi positivo, porque as pessoas procuram caminhar por aqui e, com a calçada mais lisinha, acabam entrando na banca para dar uma olhada", conta o lojista.

A técnica de enfermagem Zenaide Amaral, 48, comemorou a reforma dos estacionamentos ao longo da W3. "Agora ficou mais fácil de estacionar. Sempre que tinha que vir até a W3 resolver alguma coisa, eu encarava a dificuldade de estacionar por aqui", afirma a moradora de Arniqueira que frequenta a região há muitos anos.

Hugo Barreto/MetrópolesZenaide Amaral enfrentava dificuldades para estacionar antes da reforma na W3 Sul

Outras melhorias

Além da Terracap, o conjunto de obras na W3 Sul está sendo feito em parceria com vários órgãos do Governo do Distrito Federal, como a Secretaria de Obras, a Secretaria de Transporte e Mobilidade, a CEB e a Novacap, que contribuiu com a arborização e o paisagismo do espaço. Ao todo, serão investidos R$ 45 milhões pela Agência para a revitalização da avenida icônica de Brasília.

As paradas de ônibus também foram revitalizadas e ganharam o colorido de artistas da cidade. Para concluir a reforma, está prevista a reforma da pista com a construção de duas faixas em pavimento rígido, em concreto, para os ônibus. E as quadras das 700 já estão recebendo melhorias nas calçadas e infraestrutura.

"Todo esse processo foi pensado junto com a comunidade. Chamamos os lojistas e a população para debater sobre as possibilidades de melhorias para a região. E isso é interessante, porque não é só o governo fazendo a obra, mas a comunidade participando também", pontua o presidente da Terracap.

Izidio também destaca a participação ativa da população com o projeto Adote Uma Praça, uma iniciativa que permite à sociedade civil intervir no cuidado e na manutenção de espaços públicos da cidade. A Praça dos Avós, na 506 Sul, é uma dessas parcerias. "Queremos mostrar para as pessoas que funciona e incentivar que mais iniciativas como essa apareçam pela cidade", aponta.

Assim como a W3 Sul, o governo trabalha para iniciar a reforma da W3 Norte. O projeto de revitalização está em tramitação na Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação do Distrito Federal (Seduh). De acordo com Izidio, assim que for liberada pela Seduh, a Terracap entrará com o investimento necessário para a obra.

Terracap
A empresa pública Terracap é responsável pela execução, por meio de remuneração, das atividades imobiliárias de interesse do Distrito Federal. Desde 1997, passou a exercer a função de Agência de Desenvolvimento na operacionalização, implementação e apoio ao desenvolvimento da capital do país.

Telefone: (61) 3350-2222 / atendimento: das 7 às 19h, em dias úteis

Atendimento SAC: sac@terracap.df.gov.br

Ouvidoria: Telefone 162 | www.ouv.df.gov.br | ouvidoria@terracap.df.gov.br
Compartilhar

About Rosângela Chimiti

0 comentários:

Postar um comentário